A Fórmula para o Sucesso na Liderança – Série Neemias (Parte 4)

sucesso-atitudeTexto: Neemias 3.1-32

Introdução
> O problema que enfrentamos ao examinar este capítulo – e sua longa lista de nomes – é que somos tentados a virar a página e continuar a história em Neemias 4. Contudo, este capítulo é um dos mais importantes do livro todo!

Transição
>Deus delineou no capítulo 3 de Neemias os princípios básicos para o sucesso.

I.) Coordenação
> Percebemos isto na repetição das frases “junto a ele” e “ao seu lado” (Ne 3.2 e ss.) no capítulo todo.
> Cada pessoa sabia onde deveria estar. Sabia também qual era sua responsabilidade e o que se esperava dela.
> Fazendo com que cada homem trabalhasse perto de sua própria casa, Neemias facilitou o acesso ao serviço, a alimentação enquanto estivesse trabalhando, e a segurança daqueles que eram mais próximos e mais armados.
> Sucesso se escreve com as letras: “t-r-a-b-a-l-h-o-e-m-e-q-u-i-p-e”.
> Não foi fácil, mas uma vez conseguido,os resultados foram marcantes. Não pode haver avanço permanente sem coordenação certa.
> A base de toda a liderança eficaz é a coordenação correta das atividades de todos os envolvidos.

II.) Cooperação
> Homens de lugares diferentes e de diferentes ocupações trabalharam juntos no muro: sacerdotes (Ne 3.1), ourives, solteiros (3.23), regentes dos dois distritos de Jerusalém. Um dos oficiais, Salum, estava sendo auxiliado por suas filhas. Havia também os homens de Jericó, Tecoa, Gibeom e Mispa, Zanoa e Bete-Haquerém, Bete-Zur e Zelá. Havia tipos diferentes de operários.
> Neemias tinha a capacidade de motivar as pessoas a darem não somente de seu tempo, como também darem o que tinham de melhor. Todas estas pessoas trabalharam voluntariamente porque tinham ânimo para o trabalho (Ne 4.6)!
> Neemias não consegui sucesso total (Ne 3.5), mas não permitiu que a obstinação daqueles diminuísse o seu otimismo. Trabalhou com os que estavam dispostos!
> A cooperação obtida por Neemias demonstra até que ponto ele pôde unir tão diversificado grupo. Todos eles tinham um objetivo comum.

18333275_sfUURIII.) Aprovação
> Aprovação que Neemias demonstrou para com os obreiros.
> Neemias mostra a necessidade de nos interessarmos pessoalmente pelos nossos empregados. Conhecia os nomes, sabia onde trabalhavam e o que faziam. Ele os tratou como pessoas, não como objetos; tinham valor e não estavam lá para serem explorados.
> Dar aprovação às pessoas pelos seus esforços honestos é uma das chaves mais valiosas para o sucesso nas relações humanas.
> Neemias identificou-se de perto com eles e estava pronto para encorajá-los quando as coisas iam mal.
> Neemias sabia que o trabalhador feliz no seu serviço, confiante nos seus superiores e com relações de cooperação com os colegas, espalhará o seu contentamento através de todo o grupo.
> Neemias era rápido em notar e apreciar o zelo e o esforço daqueles que trabalhavam com ele. Os tecoítas foram inspirados pelo exemplo de Neemias, mesmo que seus líderes eram contra o que Neemias estava fazendo (Ne
3.5,27).
> O reconhecimento dado por um líder aos seus subordinados cria um sentimento de participação, de pertencer. Faz com que se sintam seguros. Este sentimento de segurança é absolutamente essencial quando surgem dificuldades ou as pressões econômicas começam a apertar (ver Neemias 4-6).
> Neemias não permitiu que o tamanho da realização de uma pessoa fizesse com que não percebesse os esforços de outra (Ne 3.13,14).
> E quanto a Neemias? Ele não está enumerado entre aqueles que sempre precisam promover-se a fim de ganhar o louvor dos outros. Ele sabia que num empreendimento bem gerenciado um bom líder sempre leva um pouco mais da culpa do que merece e muito menos reconhecimento do que faz jus. Ele estava contente por colocar os outros em foco e sabiamente permaneceu na obscuridade.

IV.) Comunicação
> Envolvia a instrução de cada obreiro para que ele soubesse o que fazer e onde fazer, e a delegação de autoridade para que as decisões não precisassem ser sempre referendadas pela direção.
> Neemias coordenou suas atividades dividindo o muro em cerca de quarenta grupos diferentes. Assim, pôde supervisionar o trabalho e comunicar-se com uma parte de cada vez. O que era antes uma situação complexa tornou-se relativamente simples quando subdividida.
> Havia a delegação de autoridade. Grupos de obreiros tinham chefes de seção (Ne 3.13, 17) e o poder de tomar decisões foi delegado aos líderes de cada grupo. Se assim não fosse, Neemias teria ficado sobrecarregado com decisões triviais e nunca teria conseguido o que conseguiu.

Pr. Ronaldo Guedes Beserra com ajuda da leitura do livro “Neemias e a dinâmica da liderança eficaz” de Ciril J. Barber- Ed. Vida.

Sobre Cristianismo Total

Cristianismo Total é um blog evangélico que tem como objetivo difundir a fé Cristã, que é a mensagem através da qual o Deus Eterno se revelou à humanidade.
Esse post foi publicado em Esboços de Sermões - Série Neemias, Esboços de Sermões - Sermões Expositivos, Liderança e marcado , , , , , , . Guardar link permanente.

Uma resposta para A Fórmula para o Sucesso na Liderança – Série Neemias (Parte 4)

  1. Egídio Silva Filho disse:

    Gostaria de receber uma mensagem sobre: O fogo arderá continuamente sobre o altar e não se apagará.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s