A Família do Filho Pródigo

Par_bola-do-filho-pr_digoEsboço baseado em mensagem pregada pelo Pr. Josué Gonçalves.

Texto: Lucas 15.11-32

Introdução:
> A família do filho pródigo experimenta uma grande crise.
> O pai faz uma leitura positiva da crise que estava vivendo; ele não se deixou perder com as perdas que estava sofrendo.
> O que podemos aprender com esse pai, com esse filho, com essa família?

1. Nem tudo na família sai como nós planejamos
> Apesar de tudo o que fazemos.
> O filho pródigo tinha tudo para ficar; o seu pai era um ótimo pai (representa o próprio Deus na parábola).
> Por melhor que façamos, isso não elimina o direito de escolha, livre-arbítrio de cada um (inclusive na família).

2. Faça sempre o melhor para amanhã não sofrer com a dor da culpa, do remorso, do arrependimento.
> O pai podia sofrer a dor da separação, da perda, da saudade, mas não com a dor da culpa.
> Faça o melhor para todos em sua família.
> O filho pródigo desistiu do pai, mas o pai nunca desistiu do filho.

3. Em tempo de crise não deixe Satanás fechar na sua casa a porta da reconciliação.
> O pai deixou a porta aberta para o filho; não o ameaçou: “se sair por esta porta, não volte mais”!
> O milagre passa pela porta da reconciliação.

O que o Pai do filho pródigo teria a dizer a nós para vencermos em tempos de crise familiar?

1. Nunca deixe morrer a esperança (sonhos) dentro do seu coração!
> O pai não perdeu a esperança de ver o filho voltar; ele não saia da varanda esperando o filho; talvez tenha comprado o vestido, o anel, conservado a sandália e cevado o bezerro, pois tinha esperança de que o filho haveria de voltar!
> Não deixe seus sonhos (quanto à família) morrerem!

2. Construa um ambiente marcado pela Graça (tratar o outro de uma forma que ele não merece).
> Todas as ações do pai foram manifestações da graça:
a. Em sua reação quando o filho lhe pediu a sua parte na herança (e o que isso significava – o pai dá 1/3 da fortuna para um filho que desejava sua morte)!
b. Quando o filho volta maltrapilho, sem dinheiro, o pai vai ao seu encontro; não o reprova; não lhe cobra o dinheiro; não lhe joga nada na cara; o Pai o abraça e o perdoa; coloca-lhe o vestido, o anel, a sandália, manda preparar o bezerro.
c. O pai vai ao encontro do irmão do filho pródigo, ouve-o!
> Será que não está faltando graça em nossas casas?
> Relacionamentos vêm antes de regras; quando falta graça invertemos a ordem de prioridades! Quando falta graça a indiferença petrifica o coração da família.
> Quando falta graça construímos mais paredes que separam do que pontes que unem!
> Quando falta graça todo estrutura rígida quebra com facilidade. Jesus veio em graça e verdade.

O que o filho pródigo teria a nos dizer depois de suas experiências?

1. Cuidado com suas decisões em tempo de crise porque se você decidir errado seu fim vai ser entre os porcos.
> Não se precipite.

2. Saiba sair, porque eu saí da forma errada, na hora errada, me envolvi com pessoas erradas e fui parar no lugar errado.
> Casamento é permanente; filhos são temporários.
> Sair com a benção de Deus; exemplo de Rebeca quando saiu de casa para se casar com Isaque!

3. Não deixe para dar valor para sua família quando você estiver entre os porcos ou no inferno.
> Exemplo do Rico e Lázaro. O rico só se lembrou de seus irmãos quando já estava no inferno.

4. Ainda que você tenha decidido errado e perdeu absolutamente tudo, nunca é tarde para dizer: “Levantar-me-ei e irei ter com meu pai …”
> Você pode ter tudo o que perdeu se houver arrependimento genuíno!

Sobre Cristianismo Total

Cristianismo Total é um blog evangélico que tem como objetivo difundir a fé Cristã, que é a mensagem através da qual o Deus Eterno se revelou à humanidade.
Esse post foi publicado em Esboços de Sermões - Série sobre Família, Família e marcado , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s