Curando as Feridas da Alma: Autopiedade

Autopiedade

Texto: 1 Rs 19.1-18 – ler inicialmente v. 9,10.

Introdução
– Autopiedade é o sentimento, emoção ou comportamento de pena de si mesmo diante de um evento estressante. Pode envolver desde um comportamento breve, ocasional e transitório até um traço de personalidade central que causa sofrimento a si e aos outros; tendência para se fazer de vítima das circunstâncias.
– Sinônimos: Vitimismo; autocomiseração; coitadismo.
– Ao que tudo indica, o profeta Elias foi vítima do sentimento de autopiedade.
– Ele se comportou com pena de si mesmo diante do stress emocional que a batalha no Monte Carmelo, contra os profetas de Baal, e suas consequências, lhe trouxeram.

Transição
– A autopiedade é um sentimento ao qual estamos sujeitos, é um comportamento desaprovado por Deus, e uma atitude a ser vencida pelo cristão.
– O texto bíblico nos traz alguns ensinamentos a respeito da autopiedade à qual estamos sujeitos, e como vencê-la.

I.) A autopiedade pode ser precedida por algum tipo de ameaça – v. 2
– Elias foi ameaçado por Jezabel, esposa do rei Acabe.
– Aqui, a autopiedade ainda não estava em curso. Temos aqui uma possível causa da autopiedade.
– Temos de estar atentos aos eventos estressantes e às ameaças de qualquer espécie para evitar sentimentos de autopiedade.
– Ex. de ameaças: um problema familiar, emocional, profissional, ministerial, etc.

II.) A autopiedade pode ser precedida por um sentimento de medo – v. 3
– Medo foi uma reação instintiva diante da ameaça sofrida.
– Aparentemente também aqui, a autopiedade ainda não estava em curso. Temos aqui outra possível causa da autopiedade.
– Por ser um problema de natureza emocional, a autopiedade e o medo são sentimentos relacionados.
– O medo, vivenciado de forma equilibrada, pode até mesmo nos preservar. No entanto, devemos ficar atentos a um sentimento de medo estremo.

III.) A autopiedade pode levar à solidão e à fuga – v. 3, 4 a
– “[…] se foi […] deixou o seu moço […] se foi ao deserto […] assentou-se debaixo de um zimbro”
– A autopiedade muito provavelmente começa a se desenvolver nesse processo de fugir e se isolar.
– Enquanto fugia e se isolava, o sentimento de vitimismo, autocomiseração e coitadismo começou a tomar lugar no coração do profeta Elias.
– Você tem dado lugar à solidão e à fuga? Fique atento.

IV.) A autopiedade pode levar à depressão – v. 4-9 a
– Aqui, a autopiedade já estava instaurada no interior do profeta e o levou à depressão.
– Sintomas de depressão em Elias:
a. Elias pediu para si a morte.
– Só uma pessoa em estado depressivo não quer continuar vivendo.
– Para não nos escandalizarmos, vale lembrar que outros personagens bíblicos como Moisés (Nm 11.15) e Jonas (Jn 4.3) também chegaram a esse ponto de pedir a morte para si.
b. Elias começou a se depreciar e a se achar um fracasso (ver v. 4 na NTLH).
c. Elias só queria ficar deitado e dormindo.
d. Elias entrou numa caverna (simboliza a depressão).
– Temos de ficar atentos a comportamentos estranhos dos nossos cônjuges, filhos e ente queridos.

V.) A autopiedade leva a pessoa a se enxergar como vítima das circunstâncias – v. 10, 14
– Elias se sentia como se fosse o único em Israel que ainda permanecia fiel a Deus.
– Nesses versículos fica claro o seu vitimismo, coitadismo e autocomiseração.
– Esse é o pior tipo de sentimento ao qual uma pessoa pode dar lugar em sua vida.

VI.) A autopiedade produz insensibilidade espiritual – v. 11-14
– Ainda que não estivesse no vento, no terremoto e no fogo, foi Deus quem promoveu essas manifestações.
– Depois destes tremendos sinais, Elias continuou dando a mesma resposta de antes. Ou seja, estava insensível aos sinais de Deus.

VII.) A autopiedade pode ser vencida quando percebemos que Deus está cuidando de nós em todos os detalhes e em todos os momentos – v. 5-8
– Deus enviou comida e água para Elias através de um anjo – v. 5-7
– Deus o conduziu até o Monte Horebe/Sinai – v. 8
– Ainda que você esteja passando por um momento de autopiedade e de luta emocional, Deus continua cuidando de você!

VIII.) A autopiedade pode ser vencida quando não negligenciamos o confronto de Deus para conosco – v. 9, 13
– Deus perguntou para Elias duas vezes: “O que fazes aqui, Elias?”
– Ele nos faz a mesma pergunta: O que você está fazendo aqui, dando lugar a esse sentimento de autopiedade, vitimismo e coitadismo? Até quando você vai ficar se lamentando e reclamando?

IX.) A autopiedade pode ser vencida quando entendemos e obedecemos aos propósitos de Deus para as nossas vidas – v. 15,16
– “Vai, volta ao teu caminho […]”. Essa orientação de Deus para o profeta serve também para nós!
– “Unge a Hazael […] A Jeú […] ungirás […] e também Eliseu […] ungirás” – Descubra a missão especifica que Deus tem para você e se coloque a cumpri-la.
– Pare de se comparar com os outros. Deus trata cada um de uma maneira diferente. Ele usa cada um de uma forma particular. Se concentre na missão de Deus para você, levante-se, e cumpra o propósito de Deus para a sua vida!
– W. Wiersbe: “Pare de reclamar e de lamentar a respeito de seus fracassos aparentes. Volte ao trabalho”.

X.) A autopiedade pode ser vencida quando entendermos que não estamos sozinhos e nem devemos ficar sozinhos – v. 18
– Elias não estava sozinho. Havia mais sete mil que não haviam se dobrado a Baal.
– Você também não está sozinho. Abra os olhos e veja à sua volta pessoas que têm os mesmos valores e propósitos que você!
– Provérbios 18.1.

Pr Ronaldo Guedes Beserra – SP, 31.05.2018.

Visite o Site do Pr Ronaldo em http://www.ronaldoguedesbeserra.com.br

Anúncios

Sobre Cristianismo Total

Cristianismo Total é um blog evangélico que tem como objetivo difundir a fé Cristã, que é a mensagem através da qual o Deus Eterno se revelou à humanidade.
Esse post foi publicado em Esboços de Sermões - Saúde Emocional, Esboços de Sermões - Sermões Expositivos e marcado , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s