Deus Abre as Portas da Prisão!

maxresdefaultTexto: Atos 16.16-40

Introdução
> Elucidar o contexto dos acontecimentos (v. 16-24): chegada da equipe missionária a Filipos, a cura da jovem com espírito de adivinhação, a reação dos seus donos e de toda a cidade, a reação das autoridades, os açoites e a prisão de Paulo e Silas (imaginar o sofrimento físico ao qual foram submetidos).
> Todavia, Deus lhes abriu as portas da prisão!

Transição
> Deus é poderoso para abrir as portas nos momentos mais difíceis e críticos da nossa existência, inclusive em momentos de ‘prisão’.
> O texto nos mostra alguns ensinamentos sobre a abertura das portas de Deus em nossas vidas.

I.) Deus abre portas quando oramos e adoramos a Deus, e testemunhamos, mesmo nas circunstâncias mais adversas – v. 25
> Elucidar a situação de Paulo e Silas. Eles haviam sido açoitados, presos no cárcere interior, os pés presos a um tronco.
> Não reclamaram, não murmuraram, não se acusaram mutuamente, não se ‘revoltaram’ contra Deus, já que foram presos fazendo a Sua obra.
> “Por volta da meia noite”, ou seja, no momento de intensas trevas, eles oravam e adoravam! E esta atitude deles servia de testemunho aos outros presos que se encontravam naquele cárcere.
> A atitude deles foi determinante para que Deus lhes abrisse as portas da prisão.
> Qual tem sido nossa reação quando passamos por momentos de prisão em nossas vidas? Reclamamos, murmuramos, arrumamos um culpado? Nos ‘revoltamos’ contra Deus? Ou oramos e adoramos, dando assim um bom testemunho aos que nos cercam?

II.) Deus abre portas para que livremos da morte aqueles que estão prestes a se perder – v. 27-29
> Em seu desespero o carcereiro estava prestes a tirar a própria vida. Paulo percebe a situação e exorta-o a não fazer tal coisa.
> Deus nos abrirá portas, ou já nos tem aberto portas, para que sejamos seus instrumentos para livrar pessoas da morte, seja literal, seja espiritual, familiar, etc.
> Uma palavra, um olhar, um pequeno gesto podem fazer a diferença na vida de alguém em desespero.
> Deus abrirá portas em nossas vidas, ou já nos tem aberto portas, para que possamos trazer equilíbrio para alguém em desespero.
> Ler Pv 24.11,12.
> Temos nos colocado como instrumentos do Senhor para livrar aqueles que estão sendo levados para a morte?

III.) Deus abre portas para que anunciemos a Palavra de Deus àqueles que ainda não conhecem a salvação que há em Cristo Jesus – v. 30-34
> Paulo e Silas anunciaram a mensagem de salvação para o carcereiro.
> Deus nos abrirá portas, ou já nos tem aberto portas que nos trarão oportunidades para pregar o evangelho àqueles que o precisam ouvir. Devemos estar atentos às oportunidades de falar do amor de Cristo.
> Não podemos falar de Cristo a todas as pessoas, mas talvez somente nós teremos acesso de falar às pessoas com as quais estamos convivendo em nosso trabalho, escola, vizinhança, etc. Devemos nos entender como missionários no lugar onde Deus nos colocou, naquela porta que Ele nos abriu ou abrirá. Devemos usar nossa atividade profissional como um instrumento para alcançar vidas com o evangelho.
> Deus pode nos levar a pregar o evangelho para pessoas que nos prejudicaram! Paulo e Silas haviam sido colocados no cárcere interior pelo carcereiro, mas não deixaram de lhe anunciar a Cristo quando tiveram a oportunidade! Jonas tentou fugir e não pregar aos ninivitas, que eram grandes inimigos dos judeus. Não queria ver os seus inimigos salvos! E se Deus o levar a pregar a alguém que lhe prejudicou? Você obedeceria? Imitaria a Paulo ou a Jonas?
> Devemos buscar alcançar toda a família daquele a quem estamos evangelizando. Paulo e Silas alcançaram toda a família do carcereiro.
> Devemos levar os que evangelizamos à integração, pelo batismo (v. 33) e à comunhão (v. 34).
> Temos aproveitado as portas que Deus tem nos aberto para falar do amor de Cristo?

IV.) Deus abre portas para nos honrar diante daqueles que nos negaram direitos e nos humilharam e prenderam injustamente – v. 35-40
> Por serem cidadãos romanos, Paulo e Silas tiveram os seus direitos negados. Foram humilhados publicamente através dos açoites e presos injustamente, sem ter havido um processo formal contra eles.
> Depois as autoridades romanas quiseram soltá-los, mas eles não aceitaram serem soltos sem que houvesse desculpas formais.
> Certas atitudes de outras pessoas podem ferir nossos direitos, nos humilhar publicamente e até nos ‘prender’ por determinados períodos a uma situação de desemprego, baixa autoestima, mágoa, ressentimento, etc, embora não devamos dar lugar a estes sentimentos negativos.
> Deus abre portas para nos honrar. Abriu as portas do cárcere de Paulo e Silas para honrá-los diante das autoridades romanas que os tinham injustiçado. Todavia, quando Deus nos honrar não significa necessariamente a aniquilação daqueles que nos prejudicaram.
> A vingança não pertence a nós, pertence ao Senhor (Rm 12.19). Ele sabe a maneira e a dose certa de tratar a cada um. Se nós fossemos nos vingar a nós mesmos, erraríamos na maneira e na dose. Deixemos isso nas mãos de Deus.

Pr. Ronaldo Guedes Beserra – SP, 12 e 15.03.2016

Sobre Cristianismo Total

Cristianismo Total é um blog evangélico que tem como objetivo difundir a fé Cristã, que é a mensagem através da qual o Deus Eterno se revelou à humanidade.
Esse post foi publicado em Esboços de Sermões - Série Portas Abertas, Esboços de Sermões - Sermões Expositivos e marcado , , , , , , , . Guardar link permanente.

2 respostas para Deus Abre as Portas da Prisão!

  1. Pinpops7 disse:

    Ronaldo, como vai?

    Gostei do blog.

    Já anotei o número da conta pra eu adquirir o livro. Espero ansioso. Sei que vem coisa boa por aí.

    Abraços e Deus te abençoe!

    Sidnei Campos Pinto, Alexsandra e família.

    • Olá querido Sidnei, a paz de Cristo!
      Permitindo Deus, o lançamento do livro será no próximo mês (agosto/2016)!
      Seria uma alegria ter você e sua família no lançamento!
      Obrigado por suas palavras!
      Saudade de vocês!
      Forte abraço a todos!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s