Um Ramo Frutífero para Deus – Série José do Egito (Parte 6)

28fev2013---em-jose-do-egito-jose-ricky-tavares-e-jogado-em-um-poco-pelos-irmaos-e-acaba-vendido-como-escravo-no-ar-em-28-de-fevereiro-1361978214368_753x500TEXTO: Gênesis capítulos 46 a 50 – Ler inicialmente Gn 49.22

INTRODUÇÃO
> Comentar sobre a benção profética de Jacó sobre a vida de José – Gn 49.22-26

TRANSIÇÃO
> “Os textos nos mostram algumas CARACTERÍSTICAS (Obviamente não todas) de uma pessoa que é (ou quer buscar ser) um ramo frutífero para Deus”

I.) HONRA PAI E MÃE
> Elucidar Gn 46.29-30; 47.27-31; 50.1-14
> Não devemos honrar pai e mãe apenas quando somos solteiros, mas até o fim da vida!
> Sogros e sogras se tornam como pais e mães – Muitos não têm paciência com os seus idosos!
> Honrar com palavras e atitudes, dando atenção – cuidado com apelido, zombaria, desprezo
> Alguns querem fazer a obra de Deus mas se sentem presos pelos seus idosos. Talvez Deus queira que você comece a fazer a obra dEle justamente cuidando do seu idoso! Talvez este seja o primeiro estágio no qual você deve provar fidelidade. Se você for fiel aí, Deus te abrirá outras portas mais tarde!
> Ef 6.2-3; Pv 30.17

II.) RECONHECE QUE DEUS ESTÁ NO CONTROLE DE SUA VIDA
> Elucidar Gn 45.4-8; 50.15-21
> Ex. do liga pontos
> Se nós já nos entregamos a Jesus, temos que entender e reconhecer que tudo o que nos acontece, de bom ou ruim, está no controle de Deus e contribuirá para o nosso bem – Rm 8.28
> Jr 29.11 – O povo tinha todo o período de cativeiro à sua frente ainda e mesmo assim Deus estava dizendo que os seus pensamentos eram de paz!

III.) SUPORTA PACIENTEMENTE TUDO QUE ANTECEDE A CONCRETIZAÇÃO DAS PROMESSAS
1.) Deveria José ter relatado os seus sonhos aos seus irmãos e pai?
> Antes de dizer que ele não deveria ter contado os sonhos devemos nos lembrar de dois detalhes:
a. Em sua defesa podemos dizer que ele era ainda muito imaturo (17 anos – ver Gn 37.2)
b. E principalmente que Deus usou todas as circunstâncias (inclusive o fato de José ter contado os seus sonhos) para levar a cabo os seus propósitos soberanos na vida de José.
> Todavia, vejamos as consequências de José ter contado os sonhos:
a. O ódio dos irmãos de José, que já existia por causa da parcialidade paterna, aumentou ao ouvirem o relato dos sonhos – Gn 37.5,8
b. Os irmãos foram incrédulos, não acreditando que aqueles sonhos pudessem se tornar realidade – Gn 37.8
c. Foi repreendido pelo pai que também duvidou que o sonho pudesse se tornar realidade – v. 10
d. Provocou o ciúmes em seus irmãos – v. 11
e. Provocou a zombaria por parte dos irmãos – v. 19
> Deus nos dá e nos dará muitos sonhos, propósitos, alvos, metas e promessas no decorrer de nossas vidas. Se desejarmos compartilhar os nossos sonhos devemos observar o seguinte:
a. Esperar o tempo certo para compartilhar
b. Escolher criteriosamente com quem compartilhar
> Se não tomarmos estes cuidados, poderemos ser vítimas do seguinte: Ódio crescente; Ambiente de incredulidade que pode afetar a nossa fé; Ciúmes, inveja; Zombaria, ridicularização.
> Ver Pv 10.19; 13.3; 17.27, 21.23; 25.11; Ec 3.1,7 – “Tudo tem o seu tempo determinado, e há tempo para todo propósito debaixo do céu …há tempo de estar calado e tempo de falar…”
2.) Quais são os estágios que antecedem a concretização dos sonhos e promessas?
a. Ódio – Gn 37.5,8;
b. Inveja, ciúmes – 37.11;
c. Zombaria – 37.19;
d. Fundo da cisterna, do poço- 37.24;
e. Traição – 37.28;
f. Tentação – 39.7 (O diabo vai tentar nos desviar do propósito, sonho);
g. Calúnia – 39.17-18;
h. Prisão – 39.20
> Não desanime diante de todas as adversidades. Promessa de Deus: “Tu, SENHOR, conservarás em perfeita paz aquele cujo propósito é firme; porque ele confia em ti” (Is 26.3).
> Quando conquistarmos os sonhos, promessas, é necessário nos mantermos humildes e entender que tudo o que formos e viermos a ter será proveniente de Deus e não de nós mesmos!

Pr. Ronaldo Guedes Beserra – SP, 05.06.2003

Anúncios

Sobre Cristianismo Total

Cristianismo Total é um blog evangélico que tem como objetivo difundir a fé Cristã, que é a mensagem através da qual o Deus Eterno se revelou à humanidade.
Esse post foi publicado em Esboços de Sermões - Série sobre José do Egito, Esboços de Sermões - Sermões Expositivos e marcado , , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Uma resposta para Um Ramo Frutífero para Deus – Série José do Egito (Parte 6)

  1. A paz de Cristo; sou grato por nosso DEUS ter colocado um irmão simples, humilde, usado pelo SENHOR JESUS, entregando a Sua Palavra até a África, entre 10 ilhas do Atlântico, por vezes até invisível no mapa, mas visto por nosso Criador. O Senhor TE ABENÇOE PASTOR RONALDO. ULISSES, SOLDADO DA PAZ, AEROPORTO DE PRAIA, CAPITAL DE CABO VERDE.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s