O Juízo de Deus

Texto: Daniel 5.1-31 (Inicialmente ler v. 25-28).

Introdução
> O fato de Deus ser amoroso a ponto de prover salvação para uma humanidade rebelde não elimina o fato de Deus ser totalmente justo em seus caminhos.
> A justiça de Deus se manifestou em várias ocasiões da história: Torre da Babel, Dilúvio, Destruição de Sodoma e Gomorra, Destruição dos Cananeus, Destruição dos Amalequitas, Cativeiro do próprio povo de Deus.
> Os fatos citados acima são fatos que a Bíblia identifica como juízo de Deus, fora outros fatos que aconteceram e acontecem na história humana e que podem ter a mão justa de Deus por trás dos bastidores.

Proposição
(AT) O juízo de Deus é algo real, que sempre se manifestou, se manifesta hoje e se manifestará.
(ST) O texto nos traz alguns ensinos muito importantes sobre o juízo de Deus.

I.) O juízo de Deus se dá sobre aqueles que orgulhosamente afrontam ao Altíssimo – v.1-4
> Como o Altíssimo muitas vezes é afrontado?
– através do desprezo às coisas sagradas (v. 2) – Como se dá o desprezo às coisas sagradas hoje?
– através da orgia (v. 2, 3) – ver Romanos 1.26,27,32.
– através da idolatria (v. 4) – ver Ap 21.8.

II.) O juízo de Deus abate o orgulho e a soberba do homem – v. 5-9
> Toda a arrogância e afronta do banquete deu lugar ao temor, ao desespero, à perturbação.
> Tomemos muito cuidado com o orgulho e a soberba.

III.) O juízo de Deus, muitas vezes, é proferido por um homem totalmente comprometido com o Senhor (por um verdadeiro profeta de Deus) – v. 10-29.
– Um verdadeiro profeta produz ou tem um bom testemunho de outras pessoas a respeito de si mesmo – v. 10-12. Ele pode até não ser amado, mas as pessoas não podem negar a sua integridade.
– Um verdadeiro profeta não se encanta com promessas de homens, com presentes de homens. O seu coração não está deslumbrado com riquezas materiais – v. 13-17
– Um verdadeiro profeta não fala para agradar a homens, mas fala o que precisa ser falado, doa a quem doer, mesmo que isto signifique risco para si mesmo – v. 18-29

IV.) O juízo de Deus se dá sobre aqueles que não se dispõem a aprender as lições da história – v. 18-23 (destacar o v. 22).
> Ler 1 Co 10.6,11,12
> Temos nos deixado aprender com as lições da história, tanto de nossa própria como da de outros?

V.) O juízo de Deus se dá através do processo de enumerar (contar), pesar e dividir (sentenciar) – v. 24-28
> Deus conta os pecados, pesa-os e traz a sentença (divide).
> Deus está disposto a perdoar, desde que haja arrependimento e mudança – Pv 28.13,14

VI.) O juízo de Deus, quando proferido por um verdadeiro profeta, sempre se cumpre – v. 30,31.
> Ver Dt 18.21,22

Pr. Ronaldo Guedes Beserra

Anúncios

Sobre Cristianismo Total

Cristianismo Total é um blog evangélico que tem como objetivo difundir a fé Cristã, que é a mensagem através da qual o Deus Eterno se revelou à humanidade.
Esse post foi publicado em Esboços de Sermões - Série sobre Daniel, Esboços de Sermões - Sermões Expositivos e marcado , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s